Intercom Norte 2019 reuniu pesquisadores e estudantes na Amazônia

O evento ocorreu em Paritins, no campus da Universidade Federal do Amazonas (UFAM)

Entre os dias 24 e 26 de junho, o calendário de congressos regionais da Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação (Intercom) em 2019 foi encerrado com chave de ouro no coração da Amazônia, onde estudantes e pesquisadores da Comunicação se reuniram para o XVIII Congresso de Ciências da Comunicação na Região Norte (Intercom Norte 2019), realizado no campus Parintins da Universidade Federal do Amazonas (UFAM).

“O congresso ultrapassou a marca de 500 inscritos de todos os estados da região Norte. Consideramos um ótimo número, diante da complexidade de deslocamento dentro da Amazônia”, comemora o professor Sandro Adalberto Colferai (UNIR), diretor Regional Norte da Intercom. “Este foi o segundo Intercom Norte realizado fora de uma capital – o primeiro foi em 2018, no campus da Universidade Federal de Rondônia em Vilhena. A Intercom assumiu o compromisso de fomentar o ensino e a pesquisa no campo da Comunicação em todos os lugares do país onde há escolas de Comunicação, e o exemplo maior é ter levado o maior congresso científico da Comunicação ao interior da Amazônia.”

Discutindo o tema central dos congressos da Intercom neste ano – “Fluxos comunicacionais e crise da democracia” –, a conferência de abertura foi proferida pelo professor Giovandro Ferreira (UFBA), presidente da Intercom, com mediação do professor Lucas Milhomens (ICSEZ/UFAM), que coordenou a organização do congresso ao lado do professor Carlos Barros Monteiro (ICSEZ/UFAM). O presidente da entidade participou, ainda, de outras duas mesas-redondas: “Amazônia, democracia e processos comunicacionais”, com as professoras Maíra C. B. Maia (UNIR) e Fernanda Chocron (UFPA) e mediação de Sandro Colferai; e “Jornalismo, Ciência e Meio Ambiente”, que também contou com o professor Adelson Fernando (ICSEZ/UFAM) e foi mediada pelo professor Allan Rodrigues (FIC/UFAM), diretor Cultural da Intercom.

“Considero que um dos pontos mais positivos do Intercom Norte 2019 foi colocar a ‘Amazônia profunda’ no centro das principais discussões comunicacionais. O fato de termos realizado o mais importante congresso científico da área de comunicação da região Norte, em uma cidade de grande e diverso valor cultural para o Brasil como Parintins – já que temos um dos maiores Festivais Folclóricos do mundo –, mostra que a Intercom valoriza a realização (e articulação) de eventos importantes da nossa área ‘fora do eixo’ das grandes cidades metropolitanas”, afirma o professor Lucas Milhomens.

A programação do Intercom Norte 2019 também incluiu a mesa “Possibilidades no mercado de trabalho em Comunicação”, com Ana Carla Santos (Ascom/UFAM) e Weverton Raiol (UFPA) e mediação de Carlos Barros Monteiro (ICSEZ/UFAM). O Fórum Ensicom discutiu o ensino e a pesquisa em Comunicação na região, além de ter realizado a sétima e última audiência pública regional sobre as Diretrizes Curriculares do curso de graduação de Publicidade e Propaganda (saiba mais).

Os congressistas aproveitaram minicursos, oficinas e sessões de apresentação de trabalho em Divisões Temáticas, Intercom Júnior e Expocom, bem como uma rica programação cultural local. “A quantidade de congressistas e o envolvimento de todos no congresso são uma prova clara da importância do Intercom Norte para as escolas de Comunicação da região e da maturidade que o evento alcançou nos últimos anos. Este é, sem sombra de dúvidas, o principal evento a área de Comunicação na região”, afirma o professor Sandro Colferai. “No próximo ano, o Intercom Norte volta a Belém, na Estácio-FAP, depois de seis anos, e nossa expectativa é de que possa ser o maior já realizado”, concluiu.

Próxima parada: Belém
Antes de receber o Intercom Norte 2020, a capital paraense será o palco do congresso nacional da Intercom: o 42º Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação (Intercom 2019) será realizado de 2 a 7 de setembro na Universidade Federal do Pará (UFPA), em Belém.

Após marcar presença em todos os congressos regionais da Intercom, a Comissão Organizadora do congresso nacional foi representada em Parintins pelos professores Weverton Raiol e Fernanda Chocron, que participaram de mesas-redondas, ministraram o minicurso “Consumo Midiático de jovens: pistas sobre como investigar”, divulgaram o Intercom 2019 e tiraram dúvidas de congressistas.

“Como fizemos em todos os quatro regionais anteriores, aproveitamos a cerimônia de premiação da Expocom para divulgar o congresso nacional e a cidade de Belém, com entrega de brindes e muita animação. Em Parintins, esse momento foi muito especial, pois estávamos em casa depois de rodarmos o Brasil inteiro”, comenta Weverton Raiol. “O Intercom Norte 2019 foi um evento muito lindo. Parintins é uma cidade mágica, de festa e de alegria.”

“Nesses dois meses de estrada, cada congresso regional nos trouxe uma experiência importante. O resultado mais importante foi o contato com as pessoas: esse giro pelo país nos permitiu não só divulgar o Intercom nacional, mas também perceber o que os congressistas esperam encontrar em Belém”, avalia Fernanda Chocron. “Estamos nos empenhando para fazê-los se sentir em casa quando vierem a Belém em setembro.”

Texto: Jornal Intercom

Núcleo de Inovação e Tecnologias Aplicadas a Ensino e Extensão – NITAE2 | Universidade Federal do Pará | Belém-PA.